Por que não levo mais meus filhos ao zoológico

joana scheer Em November 24th, 2015

 Sempre que qualquer local tem animais envolvidos faço questão de conhecer os bastidores antes de frequentar ou levar meus filhos. Quero que meus filhos tenham contato com animais e aprendam a respeitá-los desde pequenos, mas será que um zoológico/aquário é necessário nesse processo?   Zoológicos. Não sou inflexível e acredito que existam lugares e lugares. Vivi nos bastidores do zoo de SP na época de faculdade e era maravilhoso. Todos os animais tratados com carinho, bem alimentados e vigilância sanitária sensacional. Pra vocês terem uma ideia até a “organização” dos animais dentro do espaço do zoo e a quantidade de abelhas presentes ali têm um motivo, não é algo aleatório. Eu amava aquele lugar! Enfim, da última vez que eu fui lá foi pra levar os meninos na exposição de dinossauros, maravilhosa por sinal, a área dos felinos estava cheia de urubus e o stress nos animais era visível. O tigre lindo e calmo que eu dizia ser meu filho na época andava de um lado pro outro super estressado. Não sei como estão os bastidores de lá hoje em dia, mas “na minha época” não era assim e tendo visto esta cena (que pra mim mostra claramente que algo […]

Leia mais)

Eu não nasci pra mim

joana scheer Em November 18th, 2015

Quando eu era mais nova pulava muro, subia em árvore, não tinha medo de altura. Eu sou mais uma “tentante”. Nunca fui super mega máxi hiper boa em alguma coisa, mas tentava um pouco de tudo. Depois que tive o primeiro filho não consegui mais me jogar de cabeça (literalmente ou não). Amarelei. Tenho medo de altura, não desço ladeiras íngremes de skate (sim, tenho quase, QUASE trinta anos mas tenho um longboard e gosto de brincar com ele) e perdi a vontade de pular de paraquedas. Não consigo ficar um dia sequer sem pensar que preciso ficar bem. Se eu quebrar uma perna quem é que vai ficar com eles? E se algo acontecer comigo? Não permito que esses pensamentos me dominem por completo mas confesso que hoje cuido melhor de mim, por eles. Procuro me alimentar melhor pra que eu produza mais leite pro Daniel e tenha força pra cuidar bem deles. Quero (ainda não consegui) guardar mensalmente uma graninha, pra eles. Levanto nos dias difíceis que têm sido muitos porque preciso cuidar deles. Eles são motivações pra mim, e eu digo tudo isso não em um tom de pesar mas num tom de prazer e satisfação. Sou feliz assim, servindo […]

Leia mais)