Fraldário acessível para todos em São Paulo!

joana scheer Em May 3rd, 2017

Eu cansei de ir em estabelecimentos com meus bebês e ficar com cara de alface na hora de trocar a fralda deles. Cadê o fraldário? Perdi a conta de quantas vezes me virei nos trinta pra trocar a fralda deles. Mika e Gab já desfraldaram, mas o Dani embora ainda use como já é grandinho eu troco de pé mesmo. Mas quando eles eram pequenininhos diversas vezes tive que trocar a fralda deles no meu colo mesmo, de cócoras no chão do banheiro porque não tinha lugar nenhum pra trocar a fraldinha deles. Constrangedor e desconfortável pra dizer o mínimo. Simplesmente não me sentia bem-vinda em lugares sem fraldário. Pensava tipo “será que eles em momento nenhum pensaram que pais com bebês poderia vir comer aqui? Será que não pode bebê aqui?” O pessoal do Guia Fora da Casinha pesquisou por locais que já oferecem fraldário – um componente imprescindível para a acessibilidade das famílias com bebês – nos estabelecimentos de São Paulo. O projeto de lei para que o espaço seja obrigatório e acessível a todos ainda tramita na Câmara Federal. Trata-se da Lei 2216/15, do deputado Marcelo Belinati (PP-PR), que estabelece a exigência de fraldário acessível em edifícios, […]

Leia mais)

Tempo de qualidade com o pai

joana scheer Em September 8th, 2016

Olar. Cá estamos novamente falando dos papais, que delícia! A mulher é guerreira por natureza, isso é fato! Quantas mulheres levam a família nas costas, criam filhos sozinhas e ainda encaram tudo em cima do salto, com um sorrisão no fim do dia, neah? Minha mãe foi assim, fomos só eu e ela, a vida toda. Houveram alguns momentos onde a presença do meu pai fez falta, mas no geral, os reflexos desta ausência só vieram mais tarde na minha vida. Tive uma infância feliz, uma adolescência feliz e saudável em quase 100% do tempo e sempre tive o apoio da minha mãe, pra tudo! Admiro de verdade cada uma dessas mulheres, mas não posso descartar a importância da figura masculina na vida das crianças, seja um pai, um tio, ou até amigo ou namorado da mãe. A um tempo atrás o Mikael estava tendo problemas na escola com comportamento, e conversando com a psicóloga que o acompanha chegamos a conclusão que tudo ocorria devido a ausência do pai naquele momento. Leia Meu filho precisa de psicólogo, e agora? Essa fase acabou passando e ele ficou super bem até o pai voltar, quando tudo virou do avesso de novo. O […]

Leia mais)

Por que não levo mais meus filhos ao zoológico

joana scheer Em November 24th, 2015

 Sempre que qualquer local tem animais envolvidos faço questão de conhecer os bastidores antes de frequentar ou levar meus filhos. Quero que meus filhos tenham contato com animais e aprendam a respeitá-los desde pequenos, mas será que um zoológico/aquário é necessário nesse processo?   Zoológicos. Não sou inflexível e acredito que existam lugares e lugares. Vivi nos bastidores do zoo de SP na época de faculdade e era maravilhoso. Todos os animais tratados com carinho, bem alimentados e vigilância sanitária sensacional. Pra vocês terem uma ideia até a “organização” dos animais dentro do espaço do zoo e a quantidade de abelhas presentes ali têm um motivo, não é algo aleatório. Eu amava aquele lugar! Enfim, da última vez que eu fui lá foi pra levar os meninos na exposição de dinossauros, maravilhosa por sinal, a área dos felinos estava cheia de urubus e o stress nos animais era visível. O tigre lindo e calmo que eu dizia ser meu filho na época andava de um lado pro outro super estressado. Não sei como estão os bastidores de lá hoje em dia, mas “na minha época” não era assim e tendo visto esta cena (que pra mim mostra claramente que algo […]

Leia mais)